segunda-feira

Instinto

Trust




Às vezes é mais fácil ignorar o instinto, deixar passar aquela sensação de que alguma coisa não devia ser exatamente assim, que aquela sensação não é completamente confortável, que se calhar isto vai ser um problema ou se calhar devia era estar quietinha, ou devia mexer-me mais, ou admitir isto ou aquilo.
O instinto é tramado, porque nos diz sempre, nem que seja lá no fundinho do fundinho, o que está certo e o que está errado. O que acontece e não acontece, o que é e o que não é.

Ignorá-lo é ser avestruz, é esconder a cabeça na areia e pensar que se não vemos nada é porque não há nada para ver.
Errado.

Quero dar mais ouvidos ao meu instinto, valorizá-lo mais, esforçar-me para o seguir, porque se o fizesse mais vezes metia menos a pata na poça!

*
*

quinta-feira

Só isto

Frequently


Yep!

*
*

segunda-feira

Superação!!




What difference would it make in your life if you had an absolutely unshakable confidence in your ability to achieve anything you really put your mind to?



Existem poucas coisas que me fazem tão bem ao ego quanto a certeza de que consigo. Não importa o quê, como ou em que condições, só a certeza de que se me dispuser a fazer alguma coisa, faço e pronto.
Ao longo da vida tenho-me superado em muitas coisas, algumas que me assustavam, outras que me pareciam distantes, quase impossíveis. Se me dispuser a fazê-las, a chegar a fim, faço e chego. Seja através do esforço físico, intelectual, emocional, o que for. 

Só falta aplicar esta realização ao resto das coisas importantes!

*
*


sábado

AntiGravitações!

Eu e a Martinha a constatar que
the world's a better place when it's up side down!!



Eu sei que já falei disto várias vezes e que dizer que é a melhor hora da semana pode não abonar muito a favor das coisas que faço durante o resto das 167 horas, porque isto dói, aleija, desafia, mói o corpo e os musculinhos todos, mas a verdade é que adoro fazer AntiGravity. Adoro.
Sinto-me bem fisicamente, recuperei muita da força que me tinha fugido dos braços, tenho tido menos dores de articulações e perdi muito volume nos sítios que mais me interessavam.

Adoro a sensação de libertação, a sensação de paz e o disparo de adrenalina sempre que faço alguma coisa que a minha cabeça achava que o corpo não ia conseguir fazer. Supero-me em todas as aulas, ganho confiança e agilidade em cada uma delas e espero poder continuar a fazê-las durante muito tempo!

Suspend your disbelief!!


*
*



quinta-feira

De cada vez que nasce um bebé, aumenta a esperança no mundo!


Nomes decorativos !






Março parece tomar tudo de assalto!
São os dias que começam a crescer, o sol que vai aparecendo por entre as nuvens e o ar que fica um pouco mais quentinho.
Este março começou da melhor maneira, porque ontem, dia 4 - quando o nosso tio também faz anos - nasceu o Miguel! É filho do meu irmão, meu afilhado e o terceiro Miguel da família mais próxima, a seguir ao pai e ao tio!
Espero que seja um menino feliz e tão boa pessoa como os homónimos.
E espero que tenha os olhos da mãe, que são lindos!

Estamos ansiosos para o conhecer, para o cheirar e para lhe dar colo e muito mimo. Eu estou particularmente ansiosa para lhe ver os pés e as orelhas, que são das minhas partes favoritas dos bebés!
Que é lindo não restam dúvidas, basta ser nosso!

Março é assim, o mês em que o mundo ficou um bocadinho melhor, mais azul, mais luminoso, com mais esperança; é o mês do Miguel!

Bem-vindo, puto!

*
*